Poética Musical

Poética Musical

E aí vai mais um poema na coluna Poética Musical. Mergulhe, sonhe, divague, a imaginação é um universo em expansão, à sua espera. 

Imaginação

Para Lennon

Imagine

O tempo que te contém

Imagine

A marca que não se apaga

Imagine

Almas embriagadas de amor

Imagine

Girassóis trocando de cor

Imagine

Imortais canções a brilhar

Imagine

Notas brincando no mar

Imagine

Estrelas dançando no ar

 

Trilha Sonora

 

 

Poética Musical

Poética Musical

Um novo poema musical. Mergulhem, sintam, viajem nesta jornada poética. Bon voyage!

 

Divindade

 

Contra a névoa fluí bailarina

Pairei em silentes passos

Ao compasso de sons etéreos

Levitei ao longo das marinas

 

Captei o lento voo da cegonha

Mimetizei os movimentos do vento

Resgatei ciclos astrais

E eis que sonham os anjos 

 

Toquei a macia energia

Do princípio criador

Refiz leve dançante

A clara trilha do Tao

 

Trilha Sonora

 

 

Poética Musical

Poética Musical

A partir de hoje, postarei neste blog uma coluna intitulada Poética Musical. São poemas de minha autoria, acompanhados de uma imagem e de uma trilha musical. Assim, poderei compartilhar com vocês um pouco da luz das musas e da energia do Sagrado. Espero que gostem e deixem aqui seus comentários.

 

reisado

  Vou m’imbora prá Minas

Louvá a festa do Divino

  Vou m’imbora prá Minas

 

   Seguí na viola um reisado

Tô de passagem na vida 

 Prá aprendê a fazê moda

Tirá poesia das vereda 

    Lá das curva do caminho

    Vou m’imbora prá Minas

 

     Me banhá no Rio de Rosa

     Vou m’imbora prá Minas

 Prá lavrá dura palavra

 

Trilha Sonora